AVISO IMPORTANTE

"As informações fornecidas são baseadas em artigos científicos publicados. Os resumos das doenças são criados por especialistas e submetidos a um processo de avaliação científica. Estes textos gerais podem não se aplicar a casos específicos, devido à grande variabilidade de expressão da doença. Algumas das informações podem parecer chocantes. É fundamental verificar se a informação fornecida é relevante ou não para um caso em concreto.

"A informação no Blog Estudandoraras é atualizada regularmente. Pode acontecer que novas descobertas feitas entre atualizações não apareçam ainda no resumo da doença. A data da última atualização é sempre indicada. Os profissionais são sempre incentivados a consultar as publicações mais recentes antes de tomarem alguma decisão baseada na informação fornecida.

"O Blog estudandoraras não pode ser responsabilizada pelo uso nocivo, incompleto ou errado da informação encontrada na base de dados da Orphanet.

O blog estudandoraras tem como objetivo disponibilizar informação a profissionais de cuidados de saúde, doentes e seus familiares, de forma a contribuir para o melhoramento do diagnóstico, cuidados e tratamento de doenças.

A informação no blog Estudandoraras não está destinada a substituir os cuidados de saúde prestados por profissionais.

terça-feira, 11 de agosto de 2009

HIDROSADENITE SUPURATIVA ACNE INVERSA

É uma infecção bacteriana das glândulas sudoríparas apócrinas. A obstrução do ducto glandular com retenção de suor pode ser o factor facilitador da infecção. A doença ocorre nas axilas, regiões perianal e pubiana, virilhas e mamas, locais onde são encontradas as glândulas apócrinas. Caracteriza-se por um nódulo avermelhado e doloroso, semelhante a um furúnculo. Pode ser pequeno e pouco inflamatório ou grande com muita inflamação, vermelhidão e dor. A ruptura da lesão deixa sair pus, sangue, líquidos amarelados, mas, nem sempre, isto é suficiente para a sua regressão. Podem ser uma ou várias lesões e a evolução varia, podendo ocorrer um único episódio ou vários, se repetindo ao longo da vida. Nestes casos, as lesões que se rompem acabam deixando cicatrizes fibrosas nos locais afectados. Nomes correctos para esta doença: Hidradenitis Suppurativa Hidrosadenite SupurativaAcne Inversa Acne ConglobataDoença de Verneuil Porquê chamar à Hidrosadenite Supurativa de Acne Inversa. * As glândulas sudoríparas produzem o suor e têm grande importância na regulação da temperatura corporal. São de dois tipos: as écrinas, que são mais numerosas, existindo por todo o corpo e produzem o suor eliminando-o directamente na pele. E as apócrinas, existentes principalmente nas axilas, regiões genitais e ao redor dos mamilos. São as responsáveis pelo odor característico do suor, quando a sua secreção sofre decomposição por bactérias. * As glândulas sebáceas produzem a oleosidade ou o sebo da pele. Mais numerosas e maiores na face, couro cabeludo e porção superior do tronco, não existem nas palmas das mãos e plantas dos pés. Estas glândulas eliminam sua secreção no folículo pilo-sebáceo. A minha ideia e por o que me dá a entender; A doença envolve as glândulas apócrinas do suor, o óleo das glândulas sebáceas e os folículos do cabelo embora haja algum discrepância a este respeito, se a infecção começa nos folículos e se espalha às glândulas do suor e do óleo, ou vice-versa. Sobre a Hidrosadenite Supurativa: HIDROSADENITE foi descrita primeiramente em 1839 pelo médico Francês Velpeau. Verneuil em 1854 estudando o trabalho de Velpeau confirmou que a hidrosadenite representa uma doença das glândulas apócrinas. HIDROSADENITE pode ser hereditária, mas isto não significa que os seus filhos ou outros parentes desenvolverão definitivamente a doença. HIDROSADENITE não é só uma doença da pele, é uma doença do espírito. Para uma pessoa com HS, o corpo transforma-se em algo que é desconectado, doloroso e odiado. HIDROSADENITE pode ocorrer com qualquer idade, tanto pode aparecer aos 10 anos de idade como aos 50. HIDROSADENITE não é causado pela má higiene. HIDROSADENITE não é contagioso. Também não é transmissível pelo sexo. HIDROSADENITE é mais comum nas mulheres do que nos homens, embora as diferenças do sexo para a ocorrência sejam insignificantes. HIDROSADENITE é uma "inabilidade" que não permite que os doentes executem funções normais do trabalho em muitos casos e tenha alguns efeitos drásticos em actividades sociais normais. HIDROSADENITE é relacionada directamente ao stress. HIDROSADENITE pode ser fatal. Todos os casos devem ser revistos por dermatologistas competentes. É geralmente devido à fissura anal e ou ás infecções associadas. (Estes casos de morte são raros, mas existem) HIDROSADENITE pode ser controlada, mas não curada. HIDROSADENITE não tem nenhuma causa sabida. Há um certo número de tratamentos que estão sendo usados para HS incluindo: os antibióticos, cirurgia laser, cirurgia geral, agentes tópicos, vitaminas, radiação, perda de peso, dieta, e diversas outras coisas, mas nenhuma delas cura a doença.

23 comentários:

Racional disse...

É a primeira vez que ouço dizer que está relacionada ao stress. Como portadora há 17 anos, revendo meu histórico de vida, atesto que realmente, meus piores episódios decorreram em momentos de grande stress, como o que vivo hoje e com focos nas 2 virilhas. Procuro mais informações. Só hoje, depois de operações e injeções, recebi o diagnóstico real, e não apenas foliculite.

SPINDOLA disse...

HÁ UM ANO NASCEU EMBAIXO DO MEU BRAÇO DIREITO VÁRIAS PÚSTULAS, INCONTÁVEIS. TIVE QUE ME AUSENTAR DO TRABALHO, FIZ UM TRATAMENTO CARÍSSIMO QUE A DERMATOLOGISTA AFIRMOU SER FUNGOS. APÓS ALGUNS MESES, TORNEI A TÊ-LOS, E NOVAMENTE, NOVAMENTE E NOVAMENTE, SEMPRE EM DIAS MUITO QUENTE. AGORA APARECERAM NA VIRILHA, SÃO PEQUENININHAS, A CABEÇA É BEM REDONDA EM COM PUS, ELAS ESTORAM SOZINHAS, OU COM ATRITO DAS ROUPAS, E ASSIM COMO SOMEM, REAPARECEM, E DÓI, COMO DÓI. NÃO FICA CICATRIZES COMO AS QUE VISUALIZEI NA iNTERNET, SERÁ QUE É OUTRA DOENÇA? ESPERO NÃO TER MEU CORPO TODO MARCADO. AGRADEÇO QUEM PUDER ESCLARECER. SAUDAÇÕES. MARA SPINDOLA. ANGRA DOS REIS, ABRIL DE 2010,

isabel disse...

Sou portadora há 30 anos, ou melhor, a doença se manifestou há 30 anos, pois creio que haja já uma "pré disposição" genética para a doença. Hoje realizo um tratamento no Rio de Janeiro e consigo manter a doença controlada. Mas pesquiso muito sobre esta doença, pois creio que somente ao se destacar a sua verdadeira origem (seja ela proteica, plasmática, por excesso ou falta de algum elemento em nosso corpo) poderemos realizar um tratamento eficaz para a hs. Gostaria de montar um grupo de estudos com pessoas interessadas em pensar e pesquisar sobre o assunto, pois apesar de nao ser da área médica ao se tratar de hs entendo muito mais que muitos médicos com os quais me consulto.

Anônimo disse...

Eu tenho essa doença maais até hoje nenhum medo da minha cidade me deu uma cura certa' tomo remédios a mais de 2 anos e nda de cura'

www.querbreseuretrovisor.blogspot.com disse...

Nessa hora estou com uma bolha enorme debaixo do braço e creio que tem haver com stress pois a que eu tenho só dói e inflama quando estou de tpm, quando ataca tomo benzetacil e elas regridem e o médico disse que isso é bom. Vocês poderiam dizer se há algum especialista para isso?
Agradeço.

Anônimo disse...

olá, eu tenho 15 anos, e sofro da doença, que se manisfestou a 1 ano. Já fiz 4 cirurgias, e dentro de 4 a 6 meses, minha axila sempre volta a inchar e doer. As vezes me pergunto se vou ter que me operar a vida toda,pq n tenho respostas sobre tratamentos, só a cirurgia, pq é o unico meio que encontrei para diminiur a dor ):

Anônimo disse...

Sofro com esta doença a 11 anos, ja fiz uma cirurgia mas ela sempre volta, tenho nas duas virilhas e na minha última gestação ela sumiu, mas depois do parto ela veio com toda força fiquei sem conseguir fazer o mais simples que é andar, tive vários focos por toda a vagina e virilha, gostaria de amenizar meu sofrimento,hoje mesmo tenho um na virilha com uns 5 centímetros de diâmetro, acredito que os pesquisadores deveriam se empenhar mais, pois desejo ter uma vida saudável como antes.....e ser feliz.

Anônimo disse...

sofro dessa doença a 10 anos e hoje fui a medico denovo com o mesmo problema e ele me disse que essa doença não tem cura que ate hoje não acharam a cura,o pior que essa doença ja me prejudicou no trabalho fui mandada embora duas vezes ja pk quando me ataca é muito forte ja não sei mais o que fazer minha pergunta é se alguem ta com o mesmo problema que eu pk o medico me disse que vai me passar o inquerito e eu vou passar pro advogada pk se a doença não tem cura não consigo trabalho fixo por causa da doença sempre que estou bem no trabalho me ataca isso ai 5 a 7 dias em casa que patrão que aceita isso ja não sei mais o que fazer alguqm ja se aposentou por invalidez permanente por causa dessa doença,se alguem estiver no mesmo que eu vamos nos comunicar meu msn é andreia.briga@hotmail.com

Anônimo disse...

Apareceu esta doença em minha filha a menos de um ano, já sofreu duas cirurgias, mas elas voltam. Por favor gostaria de saber se há outros médicos especializados em hidrosadenite em outros estados a não ser em São Paulo,ou em outro país.

Renata salvador disse...

Isabel,gostaria se possivel saber o médico que trata você desta doença, pois minha filha sofre muito desde o ano passado. Já fez duas cirurgias, e não sabemos mais o que fazer e quem procurar. Ela faz o tratamento em São Paulo, quem sabe outro médico consiga ao menos controlar a doença como você. Por favor, se puder me responder, agradeço.

Betíssima disse...

Isabel, também me interesso por informações e gostaria de manter contato. Pode ser? Agradeço desda já. Bete Schiavon.

Anônimo disse...

OLá meu nome é Marcos tenho 32anos e ainda tenho essa hidrosadenite, meus caros a unica solução para isso é cirurgia e tirar o hs, tenho isso faz uns 18 anos e a unica solução é cirurgia, quando se tira a lesão toda ela não volta, mas, porem muito cuidado isso só pode ser feito em médico especialista pesquisem na internet, eu trato com Dr. Ival do hospital SP ele é o melhor podem pesquisar ele também atende em seu consultorio particular, e acima dele é muita FÉ em Deus e perceverança abraço.........

Anônimo disse...

Olá,
Eu tenho Hidrosadenite há 7 anos.Já passei por vários médico (8 no total) e os melhores médicos do Estado de São Paulo/Paraná.
Até onde eu sei não tem cura e pode ser controlado. Uso o Soapex no banho nas regiões que podem aparecer esta doença. Já faz 1 mês que não apareceu mais abcesso na minha coxa proximo a virilha, espero que continue assim. quanto a cirurgia, nenhum médico indicou pois a probabilidade em tirar-se uma glândula e sobrecarregar outra e voltar a inflamação é quase que 100%. ;-< Espero que descubram logo a curã!

ESTUDO DE DOENÇAS RARAS disse...

Descobri que tenhio hidrosadenite há um ano. JKa vou para a segunda cirurgia, nunca tenho um esclarecimento preciso, estou com medo. (maralyah@hotmail.com)

ESTUDO DE DOENÇAS RARAS disse...

A doença manifesta-se com conjuntos de abcessos ou de fervuras crônicas, às vezes tão grandes quanto bolas de basebols, que são extremamente dolorosos ao toque e podem persistir por anos com períodos de inflamação, culminando na drenagem, deixando frequentemente as feridas abertas que não fecham. A drenagem fornece algum alivio da dor, dor da pressão, dor do dia a dia. Os abcessos podem ser provocados pelo estresse, por mudanças hormonaisl (tais como ciclos menstruais nas mulheres), pelo calor úmido e pela fricção da roupa. As lesões persistentes podem conduzir à formação de intervalos dos túneis que conectam os abcessos sob a pele. Neste estágio a cicatrização completa não é geralmente possível, e a progressão da doença na área é inevitável. As ocorrências de infecções bacterianas e de celulite (inflamação profunda do tecido) são prováveis nestes locais. A dor de HS pode ser difícil de controlar. Embora HS seja considerada uma doença rara, sua taxa de incidência é estimada tão altamente quanto 1 em 300 povos.
[editar]Estágios

HS apresenta-se em três estágios:
alguns pequenos locais com inflamação rara; pode ser confundido pelo acne.
as inflamações frequentes restringem o movimento e requerem uma pequena cirurgia.
Inflamação dos locais do tamanho de esferas de golf, ou às vezes baseballs; tornam-se cicatrizes, incluindo intervalos subcutâneos da infecção (veja o fístula). Obviamente, os pacientes neste estágio podem ser incapazes de funcionar.
[editar]Causas

Porque esta doença é mal estudada, as causas são controversas e os peritos discordam. Entretanto, os indicadores potenciais incluem:
após a puberdade
as mulheres são mais prováveis do que os homens
predisposição genética
obstruída glândula apócrina (suor) ou folículo do cabelo
suar em excessivo
infecção bacteriana
ligado a algumas condições de deficiência auto-imune
disfunção das Androgênio hormonas
doenças genéticas que alteram a estrutura da célula
A pesquisa revela actualmente que os povos com HS têm uma tendência para a obstrução das glândulas apócrinas, que podem então infectarem-se com as bactérias existentes na pele e o excesso do sistema imune reage com a inflamação excessiva. Os tratamentos tentados podem alvejar alguns destes três aspectos de HS.
A Hidrosadenite Supurativa não é contagiosa!
[editar]Complicações graves

A não descoberta, não diagnosticada, ou não tratada, as fístulas do estágio-3 severo HS, pode conduzir ao desenvolvimento do cancro escamoso das células no ânus ou noutras áreas afectadas.

Narinha Carvalho disse...

Alguém sabe onde faço tratamento no RJ???
Já fui a dezenas de médicos, entre dermatologistas e cirurgiões, mas nenhum faz o tratamento, apenas me indicam antibióticos qd aparecer os nódulos, porém ficar tomando todo o mês antibiótico não dá.
Tive uma crise há 3 meses atrás, q foi controlada por antibiótico, porém está voltando c/ td. Já não consigo realizar alguns movimentos devido aos edemas e terei q novamente ir ao médico p/ tomar outra dose de antibiótico? Até qd meu sistema imunológico irá aguentar???

Davi Pires (davipires1947@gmail.com) disse...

Cara Narinha,

Não conheço tratamento no Rio. Mas em São Paulo, eu poderia te indicar um cirurgião plástico muito bom. Ele operou as minhas duas axilas e virilhas. Foram, ao todo, 8 cirurgias, mas finalmente me livrei dessa doença.
Boa sorte!!
Davi

Davi Pires disse...

Pessoal!!!
Após mais de 50 anos de problemas, finalmente fui curado.
Já tinha ido a mais de 12 médicos, feito diversos tipos de tratamentos diferentes, inclusive muitas cirurgias.
Esse cirurgião plástico que eu fui faz a cirurgia em duas etapas e resolveu a minha vida.
Não foi fácil. 8 cirurgias (axilas e virilhas, duas etapas cada uma). Mas posso dizer que sou outro homem hoje.
Espero que vocês tenham a mesma sorte que eu!!
Abraços,
Davi (davipires1947@gmail.com)

ESTUDO DE DOENÇAS RARAS disse...

Davi

Por favor, eu entrei em contato com você pelo seu email mas não tive resposta, deve ter ido para o spam..
Eu gostaria muito que você me passasse o nome e o contato do médico que fez as suas cirurgias. Eu moro no ES e aqui nenhum cirurgião plástico tem essa especialidade. Aguardo ansiosa por uma resposta.
Abraços
crismoreira.moreira76@gmail.com

presidencia estudandoraras disse...

Olá pessoal!!
Também tenho HS, sofro a quase 2 anos porém só fui diagnosticada depois de 1 ano e 3 médicos diferentes, tive o problema nas duas axilas, passei por 4 cirugias, atualmente me recupero da 4ª. Meu médico aqui em Salvador, tem muita experiência e me garantiu que não irá retornar as inflamações, pois ele retirou todas as glândulas e enxertou o lugar.
Meu médico é cirurgião plástico, fiz as cirurgias pelo SUS aqui em minha cidade(Salvador-BA.

No primeiro braço operado faz 7 meses e nem sinal da HS. E não tive problema nenhum.

No segundo, houve rejeição do enxerto e senti muita dor, porém esse enxerto foi retirado e agora estou me recuperando, é muito doloroso porque a carne teve que voltar sozinha, ficou aberto, porém já está quase sarado.

Quem quiser saber mais alguma coisa pode me enviar um e-mail, gostaria muito de manter contato com pessoas com o mesmo problema que eu.

Um forte abraço!

meu e-mail: deise.celo@gmail.com

presidencia estudandoraras disse...

maralyah@hotmail.com deixou um novo comentário sobre a sua postagem "HIDROSADENITE SUPURATIVA ACNE INVERSA":

Fiz duas cirurgias, com retirada radical das glândulas apocrinas das duas virilhas, mas mesmo assim, voltaram, fiz uso de clindamicina e outros tantos antibióticos que mal me recordo os nomes, engordei vinte quilos e a coisa só piorou, recentemente, após três profissionais e não ser atendida no HC de SP, por falta de vaga, encontrei um dermatologista na minha cidade, que me passou um creme de uso tópico com peroxido de benzoila, gel de aristoflex e alfabibisabolol, e posso dizer que estou bem melhor que na época dos antibióticos, além de tomar yakult todos os dias, ter uma dieta regrada no que diz respeito a gorduras e usina de florais e óleo de melaleuca!

presidencia estudandoraras disse...

gostaria de saber td sobre esa doença pois eu tenho a 15 anos meu email aca.dany@hotmail.com

presidencia estudandoraras disse...

novidades na pagina

http://www.gedrbrasil.com/2014/04/acne-inversa-familial-123.html