AVISO IMPORTANTE

"As informações fornecidas são baseadas em artigos científicos publicados. Os resumos das doenças são criados por especialistas e submetidos a um processo de avaliação científica. Estes textos gerais podem não se aplicar a casos específicos, devido à grande variabilidade de expressão da doença. Algumas das informações podem parecer chocantes. É fundamental verificar se a informação fornecida é relevante ou não para um caso em concreto.

"A informação no Blog Estudandoraras é atualizada regularmente. Pode acontecer que novas descobertas feitas entre atualizações não apareçam ainda no resumo da doença. A data da última atualização é sempre indicada. Os profissionais são sempre incentivados a consultar as publicações mais recentes antes de tomarem alguma decisão baseada na informação fornecida.

"O Blog estudandoraras não pode ser responsabilizada pelo uso nocivo, incompleto ou errado da informação encontrada na base de dados da Orphanet.

O blog estudandoraras tem como objetivo disponibilizar informação a profissionais de cuidados de saúde, doentes e seus familiares, de forma a contribuir para o melhoramento do diagnóstico, cuidados e tratamento de doenças.

A informação no blog Estudandoraras não está destinada a substituir os cuidados de saúde prestados por profissionais.

sexta-feira, 18 de junho de 2010

Doença de Fahr

A doença de Fahr é uma doença neuropsiquiátrica rara caracterizada por calcificação dos gânglios basais, podendo-se manifestar por alterações do movimento, demência e doenças afectivas. O diagnóstico é feito através de métodos imagiológicos (TAC ou RMN CE). É apresentado um caso clínico de doença de Fahr, em que os primeiros sintomas de doença foram alterações do humor.Descrita pela primeira vez em 1951, da síndrome de Fahr também conhecido como calcinose ferrocalcinosis cerebrovascular dos núcleos do cérebro) é uma doença que é apresentado por calcificações maciço central núcleos de massa cinzenta, sem qualquer anormalidade no metabolismo do cálcio. Em paralelo, os sinais neurodegenerativas. O aparecimento de sinais de doenças neurodegenerativas aparecem 30 a 40 anos de idade, embora os casos de jovens têm sido descritas. Estes sinais são variados: Parkinsionano Síndrome de "Os problemas começam "Ataxia cerebelar -Coreia-atetose O achado de calcificação da massa cinzenta central é comum em muitas doenças. Cerca de 1 por cento de varreduras do cérebro mostram a presença de calcificações dos núcleos central de massa cinzenta, especialmente após os 60 anos. Esta afirmação não é acompanhada por um aumento de doença neurológica destas pessoas.

2 comentários:

Dra. Valeria disse...

Tenho 40 anos e fui recentemente dignosticada com síndrome de fahr, apesar de alguns exames clínicos ainda não foi achado nenhuma alteração no metabolismo do cálcio. Já fui ao Neuro, Endocrino e agora com novos exames clínicos vou ao Neuro novamente. Não tenho absolutamente nenhum sintoma neurologico. O achado foi casual após uma forte dor de cabeça onde realizei uma RM. Meio perdida e precisando de ajuda. Obrigada.

Anônimo disse...

eu tenho a doençae n sei muoto sobre ela...
maiconmarcelino@ymail.com